A INVOLUÇÃO DOS BICHOS NO CURRAL DO PLANALTO CENTRAL – Claudio Raza

No curral do planalto central, os bichos, ap�s uma Revolu��o, se apoderaram do local que ficava dentro da �Fazenda Brasil�, e resolveram se organizar e criar hierarquias e comandos para distribuir mais e melhores ra��es (propinas), corrompendo os fornecedores, os tratadores e outros currais ainda n�o atingidos ou citados.
Dentro da hierarquia foram dados nomes aos bichos conforme a import�ncia e o poder nas negocia��es para arrecadar ra��es (propinas).
Os nomes dos bichos mais poderosos, espertos e ligeiros eram: o �Justi�a�, presidente do curral, o �Caju�, o l�der e negociador mor, tinha tamb�m na hierarquia o secret�rio do curral, denominado �Babel�; um bicho chamado �Caranguejo� cometeu alguns deslizes e foi destitu�do do cargo, sendo colocado no lugar o seu vice chamado �Botafogo�.
Alguns bichos n�o se expunham muito, mas recebiam grandes quantidades de ra��es (propinas), eram: o �Polo� velho sagaz, o �Campari�, o �Piqui�, o �Indio�, o �Gremista�, o �Bitelo� e o �Gripado�.
Outros bichos eram inexpressivos, mas, tamb�m recebiam sua cota de ra��o (propina), tais como: o �Corredor�, o �Comuna�, o �Ferrari�, o �Decr�pito�, o �Moleza�, o �Velhinho�, o �Missa� o �Boca Mole�, o �Kimono�, a �Feia�, o �Tuca�, o �Miseric�rdia�, o �Las Vegas�.
Tinha tamb�m um bicho meio ignorante, gostava de fazer firula e gastava muita ra��o � chamado de �Feio�, outro bicho do sexo feminino chamado �Coxa� tamb�m era muito espetaculosa, gostava de mostrar sua beleza com aquele focinho arrebitado.
Existem outros bichos, fora do Curral, que n�o gostam de aparecer, mas, participaram direta ou indiretamente da ra��o extra (propinas), tais como: o �Primo�, o �Gato Angor� e o �MT�; esses bichos tem at� advogado denominado o �Embaixador�, que vive no seu cantinho, chamado �Comodoro�.
H� outros bichos que est�o fora do Curral, mas dentro da �Fazenda Brasil� que est�o sendo citados, mas s�o um pouco perigosos, devido ao carisma e a prote��o que tem.
Esse Curral est� encurralado, pois os habitantes da �Fazenda Brasil�, apesar de pouca instru��o e pouco entendimento das coisas, por falta de leitura e acesso as informa��es importantes, como esta Revista Veja que tem uma tiragem de 1.004.277 exemplares, representa um percentual de menos de 0,5 % da popula��o brasileira; quase nada.
A �Fazenda Brasil�, nas �ltimas d�cadas, gastou muito em ra��es para os bichos, em rela��o ao que arrecada; o descontrole das contas da �Fazenda Brasil� est� fora de controle; algo precisa ser feito; arrendar, vender a fazenda ou entregar

aos credores em pagamento das d�vidas.
S� o futuro dir�!!!!!
Autor: Claudio Raza � economista e mestre em comunica��o. c.raza@terra.com.br
Fonte: Revista Veja � edi��o 2508 � no. 50 de 14/12/2016 � pag. 58 � O pre�o do poder.

Escreva um comentário